Dia Mundial de combate a LER/DORT

Em 28 de fevereiro, celebra-se há 20 anos, o Dia Internacional de Combate às Lesões por Esforços Repetitivos (LER) ou Distúrbios Osteomusculares Relacionados do Trabalho (DORT). A data chama atenção para este adoecimento que atinge muitos brasileiros a cada ano. Conforme dados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan), em 2018 foram notificados à pasta, 8.726 casos de LER/DORT, sendo que em 2017 haviam sido 9.882 notificações. No total de registros, desde 2013, foram 53.652 casos, segundo dados do Sinan.

As LER/DORT são danos causados por movimentos excessivos, irregulares e intensos os quais desencadeiam dores no sistema musculoesquelético, geralmente nos membros superiores que possibilita lesões no sistema tendíneo, muscular e ligamento. A pessoa diagnosticada com LER/DORT pode sentir dor crônica no punho e na mão, bem como formigamento nos dedos ao executar atividades manuais. Além disso, as queixas também englobam desconforto, fadiga, sensação de diminuição de força, falta de firmeza nas mãos e enrijecimento muscular. Nos casos graves, o trabalhador não consegue realizar as suas atividades laborais de forma plena e tem dificuldade também de fazer outras atividades do dia a dia.

O combate às LER/DORT é realizado em conjunto entre empregadores e funcionários, bem como o conhecimento dos agentes causadores de doenças e iniciativas de prevenção das doenças ocupacionais são fundamentais para um ambiente laboral saudável.

Fonte: https://protecao.com.br/geral/28-de-fevereiro-e-dia-internacional-de-combate-a-ler-dort/

Projeto RH GOLIN

Amanda S.C. Fernandes – Gerência RH
Luciana Germano – Conteúdo Institucional
Márcia Borlenghi – Design, revisão e curadoria conteúdo cultural

Posts Relacionados

Nenhum resultado encontrado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.