Dia do Vendedor

Parabéns por dominar como ninguém a arte de encantar pessoas para vender mais!

O Dia do Vendedor tem uma história muito curiosa. Segundo a Federação Nacional dos Empregados Vendedores e Viajantes do Comércio (Fenavenpro), muita gente, inclusive os profissionais da área de vendas que não sabem que a data passou a ser comemorada após um congresso realizado na Argentina.

O 1º Congresso Pan-Americano de Viajantes, Agentes e Representantes do Comércio ocorreu entre os dias 25 de setembro e 2 de outubro de 1937 e contou com a participação de representantes do Brasil, Argentina, Chile, México e Uruguai. Durante o evento, ficou decidido que a partir de então, todo dia 1º de outubro seria comemorado o Dia do Vendedor (em nível Pan-Americano).

A profissão de vendedor é tão importante e presente na vida das pessoas que acaba não sendo muito valorizada. Mas, o que seria da sociedade, da economia, sem os vendedores? Todas as pessoas, pelo menos uma vez na vida, se tornam vendedoras. O simples fato de concorrer a uma vaga de trabalho é vender a “mão de obra” que está sendo contratada. Mas, para quem realmente leva a profissão como forma de sustento, é bom saber que existe uma regulamentação. A Lei é a número 3.207, de 18 de julho de 1957 (20 anos depois da primeira comemoração do Dia do Vendedor).

Em 11 artigos estão contidos os direitos e deveres do profissional da área de vendas. Porém, nenhuma regulamentação adianta se a pessoa realmente não tem dom. Um bom profissional deve ter iniciativa, persistência, entusiasmo e paixão. Existe até uma metodologia, chamada de “As 8 atitudes Vencedoras”, que servem de dica para quem quer trabalhar com vendas. São elas:

1.Todos os dias me levanto para vencer
2. Sou movido a metas e objetivos
3. Não desperdiço tempo
4. Penso, logo Vendo
5. O medo não me domina
6. Nunca desisto
7. Acredito na força do entusiasmo
8. Aprendo alguma coisa todos os dias

Fonte: https://sindicatodosvendedores.com.br/por-que-1o-de-outubro-dia-do-vendedor/

Projeto RH GOLIN

Amanda S.C. Fernandes – Gerência RH
Luciana Germano – Conteúdo Institucional
Márcia Borlenghi – Design, revisão e curadoria conteúdo cultural

Posts Relacionados

Nenhum resultado encontrado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.