Depressão: é assunto sério! Qual médico ou especialista devo procurar?

depressão é tratada principalmente por médicos e psicólogos. No entanto, o ideal é procurar um psiquiatra (médico com foco em transtornos mentais) para que ele diagnostique o problema e sua severidade e, então, recomende os tratamentos mais adequados para cada caso.

Como saber se eu tenho depressão

Há sintomas suspeitos, como cansaço extremo, fraqueza, irritabilidade, angústia, tristeza, falta de interesse por atividades que antes davam prazer, pensamentos negativos ou que envolvem a morte e até disfunção sexual. E ainda existem testes e questionários. (Que são apenas uma curiosidade e não substituem o diagnóstico médico. Procure sempre um médico!)*

Só uma avaliação apurada do médico de fato vai diagnosticar a depressão e diferenciá-la de outros problemas. Nesse sentido, o psiquiatra é o melhor especialista, porque está habituado a lidar com esse distúrbio no seu dia a dia.

Quando procurar a ajuda do médico?

Em especial nos momentos que sentir que os sintomas acima – e tantos outros – estão afetando sua vida, parecem não ir embora ou surgem sem motivo aparente. Depressão não é frescura.

“A depressão tem várias formas. Ela pode ser leve, e as pessoas continuam funcionando normalmente, ou então pode ser severa e debilitante”, disse Dr. Josie Znidarsic, médico de família da clínica de bem estar da Cleveland Clinic, ao The Huffington Post. “Pode acontecer com qualquer um… Não é preciso haver um grande trauma. E não é algo que vá desaparecer se for simplesmente ignorado.”

*Diagnóstico e Causas

O médico indicado para o diagnóstico é o psiquiatra. Ele poderá encaminhar para psicoterapia, ou medicação se for o caso. Apenas uma avaliação médica criteriosa poderá identificar se as causas da depressão são internas ou externas. Ou seja, há casos em que a depressão não é causada por circunstâncias externas, como um trauma, por exemplo. Fatores internos como a química cerebral, os hormônios e a herança genética podem ser fatores importantes. Assim como doenças crônicas, fumo, uso excessivo de redes sociais, dieta, entre outras. Só sendo avaliado por um médico, você receberá a indicação do tratamento mais adequado para seu caso. E cada caso é um caso.

Informar-se sobre sua saúde é importante sempre. Prestar atenção ao seu corpo e mente o ajudarão a perceber a necessidade de buscar ajuda em estágio inicial do quadro. O que sempre ajuda na recuperação. Quanto antes diagnosticado e tratado, menor serão os impactos negativos da doença em sua vida.

* Notas da revisora.(Mbi)

Fontes:

Autor da imagem: Christian-Hopkins

depressão, psiquiatra, saude

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.